For a better experience please change your browser to CHROME, FIREFOX, OPERA or Internet Explorer.
  • Melhores Clínicas do Brasil
  • Tel:(11) 4249-0224
Clínica Dependência Química

Tratamento Dependência Química para Mulheres em São Paulo-SP


  • Tratamento Dependência Química para Mulheres em São Paulo-SP
  • Tratamento Dependência Química para Mulheres em São Paulo-SP
Descrição
Type : Clínica de Recuperação Feminina
Data : maio 15, 2020
Link : Ver website
Telefone : (11) 4249-0224
WhatsApp : (11) 3042-4005
Localização : São Paulo-SP


No Brasil e no mundo, sempre existem pessoas com problemas de dependência química - álcool ou drogas. Apesar das causas para a dependência química acontecer serem diversas, sempre existirá o tratamento adequado para cada uma delas.

Clínica de reabilitação para Mulheres

Mulheres e mulheres são propensos a caírem no vício de drogas e álcool, ou seja, é uma questão de fraqueza humana.

Uma pesquisa feita e apresentada por uma psicóloga e doutora em psiquiatria de Manaus, Loren Cavalcante, apontou que mulheres de 20 a 40 anos de idade com pouca escolaridade, fazem parte do perfil de pessoas que se envolvem mais facilmente com drogas e álcool.

Os resultados são muito preocupantes, pois nessa idade os mulheres estão em sua melhor fase profissional e familiar, cheios de planos e sonhos a serem realizados. Alguns deles acabam perdendo tudo isso por causa da dependência química ou alcoólica.

Muitas clínicas de reabilitação no Brasil admitem somente mulheres, já outras recebem apenas mulheres, e existem também as clínicas que aceitam mulheres e mulheres juntos.

As famílias dos pacientes devem então decidir qual será a clínica em que o paciente será internado, desde que ele se adapte e receba o melhor atendimento e tratamento para o seu problema.

O tempo de internação pode ser diferente para cada paciente, mas geralmente dura a partir de seis meses.

Desintoxicação

O tratamento não começa assim que o paciente é internado. Primeiro, os profissionais precisam avaliar o estado de saúde em que ele se encontra (psicológica e física), bem como a necessidade de administrar medicamentos e soro fisiológico para a hidratação física do paciente.

Após essa etapa, a equipe médica conseguirá então introduzir o melhor tratamento ao paciente, baseando-se em suas necessidades. É certo que, quando uma pessoa fica um tempo sem consumir drogas / álcool, o corpo entra em abstinência, iniciando-se o processo de desintoxicação.

Durante a desintoxicação - um processo difícil em que a mente e o corpo estão sentindo falta das substâncias consumidas – o usuário pode ter possíveis alucinações, crises de ansiedade, sudorese, falta de apetite, sede intensa, crises de choro e descontrole emocional.

Efeitos das drogas e do álcool em excesso no corpo

As drogas e o álcool em excesso fazem muito mal à saúde. À medida que os anos passam, o dependente se vê cada vez mais envolvido com o vício, sendo assim um caminho sem volta para ele. Porém, com a ajuda dos familiares e profissionais habilitados, é possível se recuperar da dependência e viver uma vida normal.

Os efeitos das drogas e álcool no corpo podem ser diversos:

  • Diminuem a capacidade de o indivíduo raciocinar normalmente
  • Sensação de calma extrema ou em alguns casos, agitação aumentada
  • Sonolência
  • Diminuem os reflexos
  • Ficam mais resistentes à dor
  • Dificuldade em realizar pequenos movimentos
  • Dificuldade de aprendizado
  • Sensação de poder, coragem, euforia
  • Perda de apetite
  • Frequência cardíaca aumentada
  • Pessoas descontroladas emocionalmente
  • Falta de noção da realidade
  • Alucinações, visões
  • Medo intenso
  • Prazer imediato, mas que passa rápido
  • Sentimento de pânico
  • Delírios
  • Problemas de saúde, como: câncer, problemas no coração, funcionamento dos rins comprometido, lesões no fígado, estômago, intestinos e pulmões

As razões para não usar drogas são diversas. Mas, o ser humano tem a tendência de se envolver com tudo o que é perigoso, proibido ou mortal por puro prazer.

O cérebro entorpecido começa a criar a sua própria realidade fantasiosa, onde o indivíduo pode tudo, não tem medo de nada, e que a aventura de viver no perigo não faz mal a ele.

Os jovens também são propensos a se envolverem com drogas e álcool, porque querem fazer parte de um grupo, demonstrando que estão no controle, podem parar quando quiserem e assim serem aceitos.

Esses são apenas alguns dos problemas originados pelo vício. O usuário de tais substâncias só vai se dar conta de onde se meteu quando estiver em abstinência, sem dinheiro para comprar as drogas e bebidas, e toda a família já não aguentar mais a situação.

Os familiares precisam observar os sinais, qualquer comportamento diferente em um dos membros da família, como: mudanças de humor, insônia, fome excessiva ou perda brusca de apetite, bem como a convivência com outros usuários de drogas podem indicar que a dependência química ou alcoólica está começando.

 

 


Localização
Top
× Podemos te Ajudar?